Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Paisagismo com plantas nativas: aguçando os sentidos

Autor: Rômulo Cavalcanti Braga - Data: 02/08/2010
RSS

No Paisagismo, a beleza é percebida pelos sentidos: formas, cores, texturas, frutas, sucos, chás, murmúrio das águas, perfume das flores e os cantos dos pássaros. Esta é a maneira da natureza arrebatar as pessoas levando-as ao êxtase. Transcender as dificuldades trazendo para a execução as facilidades e destrezas com a sensibilidade da inspiração a harmonia em um espaço é um dos objetivos ao se projetar um jardim.

É preciso se procurar novos caminhos no paisagismo, apresentando e valorizando nossas belas e maravilhosas plantas nativas. É estarrecedora a notícia que um exemplar nativo do Brasil tem imenso sucesso de procura e venda no exterior e no seu país de origem é uma ilustre desconhecida... Você caro leitor já ouviu falar ou conhece a Chrysothemis Pulchella ou Begônia Negra? Esta maravilha é nativa da Amazônia e faz um estrondoso sucesso no exterior com o nome de Black Flamingo, Copper Leaf, Sunset Bells e outros mais. A sua procura é tão intensa que alguns Garden Centers têm lista de espera.



Chrysothemis Pulchella
Fonte: http://www.plantasonya.com.br

Se faz mister o paisagismo se reinventar... Temos em nossas matas tantas arvores frutíferas que podem compor os mais belos jardins. Posso citar a Cagaita, a Pitanga, o Murici, o Baru, o Licuri, o Jerivá, a Jabuticaba, dentre outras tantas. Por que valorizar um exemplar alienígena pagando altas somas, onde podemos por preços mais modestos adquirir um exemplar nativo? De que vale um jardim sem pássaros e flores? A utilização de árvores frutíferas atrai pássaros, borboletas e pequenos mamíferos. E faz a alegria da criançada.

Quem não se lembra de uma fruta de sua infância? Aquele pequeno coco de polpa adocicada do Jerivá, as bagas negras da Jabuticaba ou os pequenos frutos do Araçá Piranga ou da Guabiroba? O perfume das flores que nos arrebata os sentidos, transportando-nos a outras dimensões... Cada uma das diferentes espécies de frutíferas do Cerrado possui uma ou mais características que podem ser exploradas na ornamentação de quintais e jardins.

Myrciaria cauliflora Jabuticabeira , Jaboticaba , Jabuticabeira-preta , Jabuticabeira-rajada , Jabuticabeira-rósea Syagrus picrophylla Jerivá , Gerivá , Coco-babão , Coqueiro-gerivá Psidium guajava Goiabeira , Goiaba , Guava , Guaiava , Araçá-guaçu Campomanesia xanthocarpa Guabiroba , Gabiroba , Guabirova , Guariba

A Cagaita, por exemplo, apresenta nos meses de agosto e setembro floração exuberante, na cor branca, o que faz lembrar a espécie ornamental Neve-da-Montanha. A frutificação ocorre nos meses de dezembro e janeiro. O fruto, amarelo, tem o tamanho de uma bola de tênis de mesa e pode ser aproveitado para o consumo in-natura, sucos e sorvetes.


Cagaita



Frutos da Cagaita

De abril a junho, os Muricizeiros dão um tom amarelado aos cerrados do Brasil Central. Parentes da Pitanga (família Malpighiaceae) produzem um fruto arredondado, de coloração amarelada alaranjada, perfume e sabor bastante acentuados.


Frutos do Muricizeiro



Murici em floração

Cultivar frutíferas nativas é uma maneira de preservar a flora e manter viva a tradição regional, com o privilégio de degustar seus frutos e contemplar a qualquer momento alguns exemplares do patrimônio vegetal que beira o risco de extinção. Os frutos atraem grande quantidade de pássaros, borboletas e pequenos mamíferos. Ter um jardim cheio de vida é o melhor contato com a natureza. Acordar com o canto dos pássaros, o perfume das flores e o relaxante murmúrio das águas. Esse é o verdadeiro sentimento da paz interior, da purificação do espírito e certeza de ter um bom dia onde nada irá lhe causar stress. Apelo ao bom senso de cada um para que procuremos valorizar e preservar as nossas riquezas naturais.

contato com o autor: romulocbraga@uol.com.br

Já deu um clique no ícone do TopBlog, acima, à direita, para votar no paisagismodigital? Agradecemos!


Você pode gostar também de:


Paisagismo: A criatividade onde está?

sustentabilidade + paisagismo= um mundo melhor

Paisagismo e reflorestamento com plantas nativas: as mudas, onde estão?

Biopirataria - Levam nossas plantas nativas, nossos animais, e não fazemos nada!

biomas Brasileiros e Paisagismo


Criaturas benéficas para as plantas de jardim e paisagismo

Como as plantas atraem os animais

Bioma Pampa e Projeto Agroppampa


Compartilhar:



e-Book gratuito: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  

Comentários

20/08/2010 13:03:49

Estou profundamente sensibilizado com os elogios e o apoio aos meus textos. Isto mostra que estou no caminho certo. Infelizmente temos que conviver por longo tempo ainda com a "cultura da colonização" como bem diz o refrão: "o que é bom para o exterior é bom para o Brasil". As pessoas se esquecem das belezas ocultas nos nossos biomas. Há uma grande preocupação em tirar um Passaporte e viajar para o exterior para "tomar um banho de cultura", na Grécia, França, etc. Por que não tem coragem de dar vazão ao espírito aventureiro e se soltar pelo interior adentro? O Norte / Nordeste - não são só praias, temos ricas culturas no sertão e aquela gente simples e humilde têm muito para nos ensinar com seus sorrisos largos e gestos grandiosos e depreendidos... Graças a Deus acho que sou um dos poucos que teve a coragem de se embrenhar pelo país adentro e conhecer um pouco de nossas riquezas. Brevemente estarei postando mais alguns textos a respeito do assunto. Cordialmente,

20/08/2010 11:25:56

Bettina e Ana Patrícia, nós temos aqui no site diversos produtores de plantas nativas. Pesquise pelo nome da planta, popular ou científico, clique na foto e verá as informações sobre a planta e a lista de fornecedores. Clique no icone a frente do nome do fornecedor e lhe envie um e-mail. A negociação é feita entre o cliente e o fornecedor, sem interferência nossa.
Leia também o Artigo aqui no Blog: Paisagismo e Reflorestamento com plantas nativas: As mudas onde estão?


18/08/2010 18:56:34

Eu sofro com a mesma falta de informações: quem pode me indicar um viveiro / produtor de mudas nativas de mata atlântica de altitude (1600 m - Monte Verde, MG), e eventualmente orientação de um agrônomo ou paisagista?
Obrigada

16/08/2010 15:00:05

O que falta, além de criatividade por falta dos paisagistas é formar produtores de plantas nativas... Moro em Porto Seguro/BA, e a prefeitura junto ao IPHAn baixou que todos os projetos de arquitetura tenham um projeto de paisagismo contemplando especialmente as plantas nativas. Lindo! Mas aonde comprá-las, se os que as vendem as extraem sem orientação alguma do meio ambiente original, e pior, o cliente, muitas vezes é cínico ao fazer a compra desta forma por assim ser mais barato... Desabafo, mas aos poucos vamos introduzindo a cultura do original, da mata atlantica original. Sem modismos, mas com identidade...


7 Visões
Mostre seus produtos para o público certo!


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!