Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Manual de plantio de árvores

Autor: Suzana de Mello Aleixo Machado - Data: 19/09/2013
RSS


FAÇA A SUA PARTE...

O sistema de plantio a ser escolhido depende diretamente da disponibilidade de recursos financeiro, humano, maquinário, insumos, ferramentas e equipamentos, além da característica do relevo e ocupação do solo.



Não há um modelo universal de plantio, mas sim, princípios básicos e universais a serem seguidos na implantação e execução de todo projeto, como:
  • Para mudas pequenas, abrir covas com 60 cm de profundidade e 60 cm de largura;
  • Para mudas grandes, abrir cova proporcional ao porte da muda;
  • Adubar as covas com 100 grs NPK 04-14-08 ou 2 kg de adubo orgânico;
  • Diversidade e raridade das espécies;
  • Interação entre plantas e animais;
  • Uso de espécies nativas de ocorrência na região;
  • Controle de formigas cortadeiras, eliminação de gramíneas invasoras, cipós e trepadeiras;
  • Poda de formação, eliminando do fuste as ramificações excedentes;
  • Conservação de aceiros no período seco; Conservação de cercas para evitar entrada de animais;
  • Seguir método de distribuição e porcentagem de espécies pioneiras, secundárias e clímax indicado nos projetos;
  • Capina manual conforme necessidade, geralmente 4 vezes ao ano, ocasião em que também deve ser efetuada desbrotas e cobertura com adubo orgânico ou químico, substituição das mudas perdidas;
    Para uso de herbicida, consultar CBRN - Coordenadoria da Biodiversidade dos Recursos Naturais - ou órgão competente;
    Usar técnicas alternativas não agressivas ao ambiente.
    As mudas devem ser manejadas pelo recipiente, nunca pelo caule, para evitar danos ao sistema radicular e quebra do ponteiro.

    Antes de plantar sua muda, é necessário saber qual o melhor local para ela:
    - Algumas espécies, em seu habitat natural, não aceitam sol, enquanto outras, não aceitam sombra.
    - Algumas tem preferências por locais úmidos, enquanto outras por locais áridos.

    O sucesso do plantio está muito mais ligado às condições de Luz, Umidade e Solo, do que à técnica aplicada no momento do plantio.
    Porém, algumas regras devem ser respeitadas na hora de plantar.


    Preparo da cova

    - Pulverizar 1/3 (100g) de calcário nas laterais e fundo da cova.

    - Misturar o restante do calcário e os adubos à terra da própria cova ou, se preferir, substitui-la por terra vegetal.



    Plantio
    - Retirar a embalagem da muda com cuidado para não desmanchar o torrão
    - Cobrir o fundo da cova com terra misturada até que o torrão fique nivelado com o chão.

    - Colocar a muda dentro da cova, bem na vertical, observando a altura do torrão com relação ao solo.

    - Colocar uma estaca de madeira proporcional ao porte da muda de. Afundar até o fundo da cova;

    - Completar a cova com terra misturada e pisar a terra em volta da muda para firmá-la no chão, de forma a não cobrir o caule com terra;

    - Fazer uma vala em torno da muda, com o mesmo tamanho da cova, para captar água.
    - Regar abundantemente, mas sem encharcar.

    Amarração
    - Amarrar a muda à estaca com: borracha, sisal ou outro material que não fira o caule da muda (Nunca utilize arame).

    - A amarração pode ser feita em forma de oito deitado, como mostra a figura abaixo.





    Cuidados posteriores

    - Se a muda for plantada em local sujeito a depredação, colocar grade de proteção;
    - caso não chova, faça irrigação de 4 em 4 dias com aproximadamente 10 litros de água para mudas grandes ou acordo com o porte da muda.

    "Quando a primeira árvore foi derrubada, começou a civilização....e ....
    Quando as últimas árvores forem derrubadas terminará a civilização!!!"



    arvoresbrasileiras@grupoaleixo.com
    www.grupoaleixo.com

    Você gostará também de:
    Paisagismo e reflorestamento: Árvores Brasileiras, uma história de sucesso!
    Plante árvores: comece agora! Parte 1
    Paisagismo: Florestas verticais em plena cidade, é possível?
    Plantas do Brasil: Aroeira da praia, riqueza que ganha o mundo!
    Plante árvores: comece agora! Final
    Paisagismo urbano: bem estar para o homem e o planeta
    Árvores: Essenciais e espetaculares em paisagismo
    Aposentadoria verde: Plantar árvores é um bom negócio
    Gigantes da natureza: conheça as maiores árvores do mundo!
    Gigantes da natureza:conheça as maiores flores do mundo
    Paisagismo e reflorestamento com plantas nativas: as mudas, onde estão?
    Paisagismo: Florestas verticais em plena cidade, é possível?


    Compartilhar:



    e-Book gratuito: Como se destacar no mercado de paisagismo

    Login Requerido

    Fazer Login para comentar

      


    7 Visões
    Mostre seus produtos para o público certo!


    Cadastre-se Grátis
    Conversar no Whatsapp
    X

    Receber alertas das publicações do site


    Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!