Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Dia da Árvore: Há motivos para comemorar?

Autor: Regina Motta - Data: 22/09/2014
RSS

O desmatamento acumulado no período de agosto de 2013 a janeiro de 2014, correspondendo aos seis primeiros meses do calendário atual de desmatamento, totalizando 531 quilômetros quadrados. Houve redução do desmatamento acumulado de 60% em relação ao período anterior (agosto de 2012 a janeiro de 2013) quando o desmatamento somou 1.326 quilômetros quadrados.
As florestas degradadas somaram 32 quilômetros quadrados em janeiro de 2014. Em relação a janeiro de 2013 houve redução de 53% quando a degradação florestal somou 69 quilômetros quadrados. A grande maioria (97%) ocorreu no Mato Grosso, seguido pelo Amazonas (2%) e Pará (1%).
A degradação florestal acumulada no período de agosto de 2013 a janeiro de 2014 totalizou 212 quilômetros quadrados. Em relação ao período anterior (agosto de 2012 a janeiro de 2013) houve redução de 80% quando a degradação florestal somou 1.043 quilômetros quadrados.
(Dados o http://www.imazon.org.br/)


Fonte: djbigclau.blogspot.com



Notícia divulgada pela BBC diz que : Um relatório divulgado em 5 de junho, na reunião da ONU sobre mudanças climáticas que ocorre em Bonn, na Alemanha, destaca o Brasil como o país que mais reduziu o desmatamento e as emissões de gases que causam aquecimento global.
Algumas atitudes que acontecem pelo país, nos dão esperança de uma reversão deste quadro de desmatamento. Vamos comemorar o Dia da Árvore com boas notícias!



Veja:
A Euterpe edulis palmeira-juçara é uma espécie exclusiva da Mata Atlântica, que só existe entre a Bahia e o Norte do Rio Grande do Sul. Devido à extração ilegal de palmito, a palmeira está ameaçada de extinção.
A Frente Pró-Juçara, criada em Resende, no Sul do Estado do Rio de Janeiro, trata da primeira espécie estudada pelo Projeto Amável, que pretende plantar 10 milhões de espécimes no estado até 2016.

O objetivo é recuperar frutos raros da Mata Atlântica, como o cambuci, a cabeludinha e a uvaia. Foi eleita para iniciar os trabalhos devido à sua tradicional importância no bioma. Em algumas regiões da floresta, uma em cada quatro árvores era de uma espécie de palmeira. Não à toa os índios chamavam o Brasil de Pindorama - em tupi guarani, terra das palmeiras.



A meta é plantar em toda a Mata Atlântica 50 milhões de Juçaras.
É uma planta que pode interessar tanto à dona de casa que gosta de plantas quanto a um empresário que quer compensar suas emissões de gases-estufa.
Sua abundância no passado foi estraçalhada ao longo dos séculos por palmiteiros, que cortam a árvore antes de sua frutificação. A exploração ilegal e o desmatamento atingiram níveis recordes nos últimos 50 anos. Na década de 1990, a juçara foi incluída na lista das espécies ameaçadas de extinção.
O sumiço da juçara é um perigo para a fauna da Mata Atlântica. Pelo menos 60 espécies - entre tucanos, jacus e macacos - dependem de seus frutos.



Além disso, a juçara, ao contrário da grande maioria das árvores, dá frutos na estação mais seca do ano, entre abril e agosto, quando há maior escassez de alimentos. O valor nutritivo dos frutos é muito grande: Têm três vezes mais antioxidantes do que o açaí, o fruto típico da palmeira amazônica, e também é mais rico em ferro e potássio.
Depois da extração da polpa, as sementes da palmeira podem servir de adubo ou matéria-prima para artesanato. Parte da palmeira também pode ser usada para a produção de anestésicos e material de desinfecção.
Para que o Rio seja reocupado pela palmeira-juçara, um milhão de sementes do fruto foi doado ao governo estadual.
As boas inciativas nos dão esperanças de que a destruição das florestas por 500 anos ainda possa ser revertida, despertando a consciência de todos que aqui vivem para preservar e recuperar nossas árvores. REFLORESTAR É UM DEVER IMPERATIVO!

OBSERVAÇÃO: Se você quer plantar árvores, encontre aqui http://www.paisagismodigital.com fornecedores de mudas e sementes. Pesquise pelo nome popular ou científico, clique na foto, veja os fornecedores e faça contato com eles através do site.
Fornecedores de Palmeira Juçara: Euterpe edulis palmeira-juçara

Fontes:
http://www.bbc.co.uk/portuguese/noticias/2014/06/140604_desmatamento_relatorio_ac_hb.shtml
http://oglobo.globo.com/sociedade/sustentabilidade/projeto-quer-plantar-10-milhoes-de-palmeiras-jucara-no-rio-13996510#ixzz3DzBBh6se

Você gostará também:

Aposentadoria verde: Plantar árvores é um bom negócio

Mata Atlântica - Reserva da Biosfera

Paisagismo e reflorestamento: Árvores Brasileiras, uma história de sucesso!

Paisagismo: Florestas verticais em plena cidade, é possível?

Plantas do Brasil: Aroeira da praia, riqueza que ganha o mundo!

Plante árvores: comece agora! Final

Plante árvores: comece agora! Parte 1

Projeto de Lei para Paisagismo Ecológico - Portugal

Novidade! Uso de plantas ornamentais em saneamento

Gigantes da natureza: conheça as maiores árvores do mundo!


Compartilhar:



e-Book gratuito: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Conteúdo gratuito para paisagistas inscreva-se no canal da AuE Software!
7 Visões
Mostre seus produtos para o público certo!


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55 (32) 9 9138-8279
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!