Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Bonsai: Envelhecimento do substrato

Autor: Escola Confraria Floripa Bonsai - Data: 22/08/2013
RSS

Aprendendo um pouco sobre a Arte do Bonsai:

Há uma mudança da relação dinâmica entre a planta e o seu substrato em um recipiente. Percebemos que as plantas crescem e mudam, mas nós não consideramos que o substrato também. No recipiente de crescimento, é importante entender a expectativa de vida do solo para a freqüência de transplante. Isto assegura que suas plantas no vaso não serão obrigadas a lutar em uma mistura de solo em "colapso", com o passar do tempo eles tendem a quebrar, reduzindo o tamanho das partículas e reter mais água, este processo pode realmente corresponder às necessidades de crescimento e taxa de umidade da planta, se cuidadosamente equilibrado.



No começo .
As plantas recém transplantadas não absorvem tanta água como as que já estão estabelecidas no vaso, isso ocorre porque o sistema radicular é comprometido, no transplante há a poda de raízes e retirada do substrato antigo, algumas em sua totalidade, levando isso em conta, é fato a diminunição de tranpiração a nível foliar.


Substrato visivelmente em colapso

Mas depois .
Como as raízes crescem e novos brotos e folhas se desenvolvem, aumenta a transpiração, isso pode ser tratado pela poda aérea para reduzir a transpiração, o aumento da irrigação, reduzindo a luz solar, etc. Mas uma das coisas realmente importante de ter é um componente orgânico no solo, é que ele começa a quebrar com o tempo de acordo com a exigência da planta em questão de umidade. Isto efetivamente aumenta a capacidade de retenção de água, um solo bem estruturado e manutenção da planta apropriada irá ajudar a manter a umidade em equilíbrio. Uma vez que o substrato já esteja bem colonizado de raiz não está sujeita ao colapso na maioria das espécies a menos que a planta seja submetida a maus tratos, tais como umidade constante, falta de luz direta do sol, etc. A rede de raízes tenderão a manter o solo arejado, criando uma estrutura lenhosa.


Substrato novo, pronto para o transplante

A vida do substrato
Deve-se entender que a mistura do substrato feitas em viveiros são projetadas (se assim o são) para crescimento rápido e de curta vida (até 5 litros), pois não ficam neste mesmo vaso até um ou dois anos. Passando disso o solo entra em colapso e também chega-se a condições limite da raiz, a mistura para o bonsai deve durar mais tempo, e eles devem ser mais flexíveis e estáveis para dar conta de poda e de formação, isso significa que temos que prestar muito mais atenção às características do solo de viveiros em geral. O ideal é fazer a mistura de substrato durar tanto quanto possível, mesmo aqueles em vasos de formação, use casca fresca e estável, com inorgânicos (pedras, cacos cerâmicos), um solo deve ser projetado, para durar o tempo que a planta necessita para se manter em vasos.


Bouganvílea do Prof. Rock Júnior após transplante


Então.
O que se pode concluir é que não importa o que você usa para o substrato, se você usar componentes puramente inorgânicos, provavelmente você vai ter que usar fertilizantes orgânicos e seus problemas decorrentes como a remoção de resíduos da superfície, o mal cheiro, insetos, etc., se você usar mais do que o necessário de componentes orgânicos, então você vai ter problemas relacionados com a água e aeração, colapso mais rápido e você terá que prestar mais atenção para as práticas de irrigação. Não existe "melhor" substrato, existem apenas as misturas que funcionam bem em um conjunto de condições ambientais que incluem as espécies de plantas e seu estado atual (idade), como ela é manipulado (técnicas aplicadas à ela e intervenções neste período), a rega, o clima, tipo de adubo, quantidade de exposição a luz / sombra, todas estas coisas estão interligadas.
por: Brent Walston
Traduzido, adaptado e comentado por: Fabiano Costa


Contato da loja e para cursos: 48-3240 7096.
fabianoscosta@hotmail.com
https://www.facebook.com/fabianoscosta
www.fabiano.projetobonsai.com
www.floriculturaflorabrasil.com.br
Você gostará também de:
Bonsai - Arte em movimento
Substratos: essenciais para o cultivo de plantas
Os astros inflenciam as plantas?
Frutas nativas do Brasil e Paisagismo
O perigo das plantas invasoras
Xaxim: cultivo e uso medicinal
Plantas inseticidas no controle de pragas
Cultivo de plantas, como fazer uma estufa?
Paisagismo: Noção e bom senso
Paisagismo e decoração com tillandsias
Cultivo de plantas: como fazer uma estufa
Cultivo de Bromélias e Tillandsias no Brasil

Plantas e flores: o perfume da sedução

Plantas ornamentais: Lavandas, maravilhas polivalentes
Buriti: a palmeira das veredas
Barbatimão: a farmácia do sertão
Hortaliças e ervas em paisagismo
Plantas ornamentais: Que tal uma salada de flores?






Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Curso de Marketing Digital para Paisagismo
Destaque-se no mercado de paisagismo


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!