Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Planificación, diseño y gestión participativa del paisaje

Autor: Fabio Márquez - Data: 18/07/2011
RSS

Con el convencimiento de que los cambios ineludibles en la manera de proyectar el espacio público, las plazas, el paisaje, deberán llevarnos a prácticas profesionales con participación social activa, donde se obtengan procesos más eficientes que aporten a la construcción de sociedad democrática, las decisiones individuales forjarán las decisiones colectivas. Cada profesional que decida modificar su modo de proyectar y planificar el territorio a prácticas participativas, estará abriendo surcos hacia su propio desarrollo y compromiso con la sociedad. Ya que no puede seguirse proyectando como mayoritariamente se ha venido haciendo. Es evidente que no funciona de esa manera y lo que se propone aquí es una alternativa que explora sobre el vínculo entre el objeto a proyectar y los individuos a los que debe servir el proyecto. Donde construir nuevos modelos de ciudadanía, solidaridad, espíritu comunitario y tolerancia, sean objetivos centrales. Los diseñadores y planificadores del paisaje actuamos como modeladores de comunidades, donde el territorio es el gran soporte donde esa sociedad se desarrolla. Aquí se aportan ideas y técnicas, no como una única posibilidad de trabajo, sino como una puerta abierta a otras múltiples opciones en que deban desarrollarse los procesos participativos, en la planificación, diseño y gestión del paisaje.
Para conseguir el libro: http://www.cp67.com/libros/9/978987584334.html



Tradução livre:
Na crença de que as mudanças no modo de conceber os espaços públicos, praças, paisagismo, são inevitáveis e deverão conduzir a um estágio com a participação social ativa, onde se obtenham processos mais eficientes que contribuem para a construção de uma sociedade democrática, as decisões individuais forjarão as decisões coletivas. Todo profissional que decida mudar sua maneira de conceber e planejar o território para práticas participativas, vai abrir caminhos para seu próprio desenvolvimento e compromisso com a sociedade. Uma vez que não podemos mais seguir projetando como tem sido feito até agora majoritariamente. Claramente não é assim que funciona e o que é aqui proposto é uma alternativa que explora o vínculo entre o objeto do projeto e os indivíduos que devem ser servidos pelo projeto. Onde construir novos modelos de cidadania, solidariedade, espírito comunitário e tolerância são os objetivos centrais. Os paisagistas e planejadores agem como modelos de comunidades, onde o território é o grande suporte em que a sociedade se desenvolve. Aqui oferecemos idéias e técnicas não como uma oportunidade única de trabalho, mas como uma porta de entrada para muitas outras opções para realizar processos participativos na concepção, planejamento e gestão da paisagem.

Você pode se interessar também por:
apaixine-se pela jardinagem !Enamorémonos de la jardineria!
Por que jardim? Um pouco de história
Paisagismo urbano: Bem estar para o homem e o planeta
Origem do paisagismo




Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Curso de Marketing Digital para Paisagismo
Mostre seus produtos para o público certo!
Destaque-se no mercado de paisagismo


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!