Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Paisagismo: Paris é uma festa! Festa verde por sinal!

Autor: Raphael Senna de Abreu - Data: 25/10/2011
RSS

O outono chegou em Paris. E como ele é marcante.Mesmo sendo a estação onde a maioria das plantas perdem suas folhas e mudam suas cores, ela não deixa de ser bela e respeitada em Paris.
Neste ponto têm que se admitir, o europeu ainda se encontra a frente de nós em relação à valorização do espaço verde. Todo o espaço é aproveitado por um vaso, uma pequena ou mesmo grande jardineira.Muros à se perder de vista , todos cobertos de heras.Algo tipicamente comum aqui em Paris.



Impressionante como independente do lugar onde estiver, um ponto nobre da famosa Avenida Champs Élysées ou em um bairro dos subúrbios afastados de Paris, as janelas e/ou varandas dos edifícios, jardins das casas, entradas de hotéis e até mesmo nos antigos, porém aqui comuns, cestinhos de bicicleta das ciclistas locais, encontram-se flores.



Paris pode ser a cidade mais visitada do mundo. Pode ser famosa como a cidade mais romântica do planeta, mas sem dúvida alguma isso também se deve ao francês adorar begônias, amor - perfeito, gerânios e uma profusão de cores vindas de todas as janelas ao redor de quem passa.
Não duvido que seja por um motivo qualquer que os franceses têm em sua reputação serem os melhores perfumistas do mundo. Estão rodeados de aromas das plantas por todos os lados, na maioria dos parques e praças encontramos grandes canteiros de lavanda.



Lojas, muitas destinadas ao mundo verde. Uma em especial: na Rue de Barc, número 12, chamada Le Prince Jardinier (O Príncipe Jardineiro) - site: http://www.princejardinier.fr/ - vale conferir, nem mesmo que seja para olhar. Ferramentas, bolsas e sacolas, adereços, adornos e uma vasta variedade de livros sobre o assunto. Nessa mesma rua, encontra-se também um pequeno jardim público com uma estufa, acreditem , para os moradores locais praticarem seu hobby predileto : a jardinagem!
No mais, não se pode mesmo deixar de aproveitar o Jardin de Luxembourg (Jardim do Palácio de Luxemburgo) e Jardin des Tuileries (Jardim das Tulheirias) - obra do célebre arquiteto e paisagista André Le Nôtre - onde dentro dele, também se encontra o museu l Orangerie, que tem este nome devido às plantações de laranja local. O museu possui entre grandes obras, duas galerias destinadas às Nymphéas de Claude Monet.Uma verdadeira ode ao Paisagismo!



Vale a pena se perder pelas ruas de Paris. Para os amantes, amadores ou profissionais do mundo verde, vão se realizar grandes encontros.

Você pode se interessar também por:
Plantas do cerrado nos jardins de Burle Marx
roberto Burle Marx - O paisagista a frente do seu tempo
Paisagismo com plantas nativas: aguçando os sentidos
Paisagismo: A criatividade onde está?
Paisagismo brasileiro perde Fernando Chacel, seu maior expoente vivo
Origem do paisagismo
Projeto de Lei para Paisagismo Ecológico - Portugal
Pequenos espaços: grandes jardins
Árvores: Essenciais e espetaculares em paisagismo
Beleza e praticidade do jardim Vertical
Um bom projeto de paisagismo faz a diferença




Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Curso de Marketing Digital para Paisagismo
Mostre seus produtos para o público certo!
Destaque-se no mercado de paisagismo


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!