Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Já ouviu falar em Sintropia? Sabe o que é ?

Autor: Regina Motta - Data: 05/10/2016
RSS


A novela Velho Chico exibida pela Rede Globo, em seu final, exaltou a forma de cultivo nomeada como Sintropia, capaz de recuperar áreas extremamente degradadas.

Recebemos algumas mensagens de nossos leitores perguntando sobre esse assunto. Então, investiguei e passo pra vocês, de forma bem simples, o que descobri:

Ernst Götsch



Tudo começou com a vinda para o Brasil de Ernst Götsch, um agricultor e pesquisador suíço que migrou para o Brasil no começo da década de 80 e se estabeleceu em uma fazenda na zona cacaueira do sul da Bahia.

Desde então, vem desenvolvendo técnicas de recuperação de solos por meio de métodos de plantio que mimetizam a regeneração natural de florestas.

Com o acúmulo de mais de três décadas de trabalho que resultaram na recomposição de 480 hectares de terras degradadas (dos quais 350 foram transformados em RPPN, a primeira da Bahia), Götsch elaborou um conjunto de princípios e técnicas que viabilizam integrar produção de alimentos à dinâmica de regeneração natural de florestas, sempre complexificando sistemas, ao que convencionou chamar de Agricultura Sintrópica.



Como resultado de sua intervenção, além da colheita agrícola, observou-se que a fazenda desenvolveu seu próprio microclima, 14 nascentes de água foram recuperadas e a fauna repopulou o lugar.

O experimento tem sido disseminado e adaptado a diferentes regiões e climas nos últimos 30 anos. Neste modelo de agricultura, o insumo mais importante é o conhecimento.

Assim nasce o Projeto Agenda Gotsch, a partir do qual dois jornalistas visitam a fazenda de Ernst Gotsch para registrar conceitos, implantações e manejos do agricultor.

A produção dos vídeos e textos ajudarão produtores de todo o mundo a adotar técnicas agrícolas verdadeiramente sustentáveis.

Segundo o que diz a sua biografia, escrita por Dayana Andrade, o início de tudo veio da mudança de ponto de vista do pesquisador que procurava o melhoramento genético de suas plantas.

Será que não conseguiríamos maior resultado se procurássemos modos de cultivo que proporcionassem condições favoráveis ao bom desenvolvimento das plantas, ao invés de criar genótipos que suportem os maus-tratos a que as submetemos? Gotsch.
Assim germinava o pensamento sobre Agricultura Sintrópica, dentro da pesquisa e da vida de Ernst Gotsch.

Mudar o ponto de vista pode ser uma atitude aparentemente simples, mas foi sempre ela que alavancou as transformações mais revolucionárias de que temos notícia.

Referência internacional em Sistemas Agroflorestais Sucessionais, Ernst Gotsch desenvolveu uma apurada técnica de plantio cujos princípios e práticas podem ser aplicados a diferentes ecossistemas. Amazônia, Cerrado, Altiplano Boliviano, Caatinga,todos esses lugares podem ser um paraíso quando bem trabalhados

Agricultura Sintrópica é uma tentativa culta de conseguir o necessário daquilo que precisamos para nos alimentarmos, além das outras matérias primas essenciais para nossa vida, sem a necessidade de diminuir e empobrecer a vida no lugar, na terra.

Isto implica em considerarmos um gasto mínimo de energia, onde não cabe maquinaria pesada, agrotóxicos, fertilizantes químicos e outros adubos, trazidos de fora do sistema.

A agricultura, dessa forma, passa a ser uma tentativa de harmonizar as atividades humanas com os processos naturais de vida, existentes em cada lugar que atuamos. Para conseguirmos isto, é preciso que haja em nós mesmos uma mudança fundamental, uma mudança na nossa compreensão da vida. (Trecho do Texto Homem e Natureza - E. Gots)

Saiba mais: Agenda Gotsch

Vida em Sintropia é o novo curta do Agenda Gotsch. Uma edição feita especialmente para ser apresentada em eventos na COP21 em Paris, com um compilado de experiências expressivas em Agricultura Sintrópica, imagens e entrevistas inéditas.

Vídeo: Vida em sintropia



Você gostará também:

Paisagismo: Parque Sitiê: Primeira Agro- Floresta do Rio de Janeiro

Quer ter uma horta ou jardim? 12 Dicas para plantar em pequenos espaços

Jardins de Piet Oudolf, valorização das gramíneas e plantas perenes

Plantas que atraem aves e outros bichos

Quer ter borboletas em seu jardim?

Meio Ambiente: A Corrente Pedagógica da descoberta




Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Curso de Marketing Digital para Paisagismo
Mostre seus produtos para o público certo!
Destaque-se no mercado de paisagismo


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!