Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

Famosa na internet, costela-de-adão é tendência no paisagismo

Autor: Isabela Rocha - Data: 26/03/2021
RSS

Famosa na internet, costela-de-adão é tendência no paisagismo
No último ano, a procura pela espécie cresceu 15%, superando até a venda de flores
Ela virou febre na decoração e logo já podia ser vista em todos os lugares, de um quadro na parede, estampa de roupas, nos acessórios de beleza e até na porta do Big Brother Brasil 18. Se hoje a costela-de-adão é uma das principais atrações das lojas de paisagismo, no passado, suas exuberantes folhas não eram tão populares. A mudança ocorreu com uma ajuda muito peculiar: a internet.


Também conhecida pelo nome científico, Monstera deliciosa, a espécie teve um grande impulso de influencers digitais para se tornar uma tendência entre os mais jovens. “A costela-de-adão além disso é fácil de cultivar, ótima para quem não tem muito tempo”, aconselha Glau Camargo, influenciadora digital com mais de 50 mil seguidores. “As plantas são soluções acessíveis para atualizar a decoração. Essa, então, eu acho linda. Dá um ar tropical.”


Se a costela-de-adão compõe a decoração das casas, quem está aproveitando a tendência são as lojas especializadas na venda de plantas ornamentais. A procura pela folhagem está cada vez maior.
“A procura cresceu significativamente no último ano, as vendas da costela-de-adão subiram em 15%”, revela Gerson Junior, proprietário da Império dos Vasos & Flora, loja especializada em plantas ornamentais e paisagismo de interiores, localizada em Sorocaba/SP. “Hoje, as folhagens são mais procuradas que as flores, coisa que não era comum.”

Versatilidade e fácil manuseio
 Além do seu lado fotogênico, que traz elegância para qualquer feed nas redes sociais, um dos segredos para o sucesso da costela-de-adão é seu fácil manuseio. A planta é conhecida por se adaptar bem a ambientes internos, mas não tem problemas com luminosidade, considera-se “meia-sombra”.
Com cuidados básicos, é possível manter Monstera deliciosa com uma aparência sempre exuberante. O ideal é manter sempre um solo nutrido e fresco para que elas possam prosperar. Em casos de vasos, o ideal é sempre promover uma troca anual. “A troca de vasos é recomendada anualmente para que a planta tenha espaço para crescer. Mas caso veja que a sua chegou ao tamanho desejado, cuide do solo para que ela fique vistosa”.
Caso a ideia seja plantar exemplares dessa espécie no chão, saiba que as costelas-de-adão são caracterizadas como trepadeiras, então, se plantadas próximas a outras árvores ou superfícies verticais ela crescerá, podendo chegar até seis metros de altura.
Apesar de ser considerada uma planta “resistente”, que não precisa ser regada diariamente, as folhagens da costela-de-adão precisam ser regadas até duas vezes por semana, dependendo de onde ela está alocada. Nas épocas mais frias do ano, a frequência cai para uma vez a cada 15 dias ou até mesmo uma vez ao mês. “Sabendo quais são as características da sua planta e cuidando delas corretamente, qualquer um pode ter uma costela-de-adão para alegrar a casa”, finaliza Gerson.


Você gostará também de:
Principais espécies de Bromélias - 2
Principais espécies de Bromélias
Cultivo de Bromélias e Tillandsias no Brasil
Bromélias
Margareth Mee, a dama das bromélias, pesquisadora de nossas plantas ornamentais
As bromélias e a dengue
Guerra dos sexo no mundo das plantas
Paraíso de plantas e flores de todo o mundo
The Royal Botanic Garden, patrimônio mundial pela UNESCO
A vida secreta das plantas: floração


Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Conheça os melhores softwares para paisagismo e irrigação


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!