Quer aparecer aqui?  Veja Como


Ano
Pesquisar

6ª EDIÇÃO DO FESTIVAL CULTIVAR PROMOVE RECONEXÃO DAS PESSOAS COM A NATUREZA

Autor: Fernando Pereira - Data: 08/09/2015
RSS

Sempre falamos no Somos Verdes sobre a reconexão das pessoas com a mãe Terra e toda sua natureza. Imagine descobrir e admirar sementes, árvores, pássaros e outros pequenos detalhes da natureza em plena cidade de São Paulo.
É isto que o 6º Festival Cultivar, que acontece de 05/09 a 03/10, proporciona aos paulistanos Expedições, exposição, observação de aves, oficinas, picnic de troca de sementes, cinema e palestras com especialistas em meio ambiente aproximam paulistanos de todas as idades da natureza.



Realizado anualmente pelo Instituto Árvores Vivas, este é o primeiro e maior evento brasileiro focado na reconstrução do vínculo entre sociedade e natureza, levando centenas de crianças e famílias de volta à origem natural dos recursos e serviços ambientais essenciais à existência humana.
oda programação é criada para estimular a reconexão homem x natureza nos aspectos da cultura, saúde e qualidade de vida, identidade e patrimônio.



O Festival Cultivar oferece palestras, oficinas, expedições, cinema, observação de aves e picnic de troca de sementes. Vivências que convidam a um respiro em meio ao ritmo acelerado das cidades.

A abertura acontece no dia 05 de setembro, com uma expedição pela Mata do Parque Trianon a partir das 14h. A atividade será inspirada, dentro da exuberância da Mata Atlântica, pelas referências naturais indígenas e as poesias da natureza. Uma caminhada entre as árvores, um convite a estabelecer contato com essa paisagem que explode em plena Avenida Paulista, promovendo a reconexão dos participantes com a natureza original na cidade de São Paulo.



No dia 06/09 é a vez de observar as aves no Parque Trianon. Esta Expedição convida o público a conhecer e reconhecer as aves do nosso dia a dia, promovendo uma observação contemplativa conduzida por Sandro Von Matter, do Instituto Passarinhar. A atividade inclui ainda oficina de sons e dicas de fotografia.

No dia 08/09 a exposição Biodiversidade na Cultura Brasileira floresce no Conjunto Nacional, onde permanece até 21 de setembro (dia da árvore). A exposição é composta por elementos das árvores (frutos, sementes, madeiras), imagens e informações sobre algumas espécies ilustres do Brasil. Visitas guiadas e atividades voltadas a grupos, escolas e instituições serão promovidas no local.

No dia 12/09, o Teatro Eva Herz, na Livraria Cultura, abriga o Cultivar Ciclos, série de palestras inspiradoras sobre aspectos das relações entre homem e natureza. No mesmo local será entregue o Prêmio Jequitibá de Relevância em Pesquisa, que tem como objetivo premiar trabalhos que se destacam em projetos de conservação ambiental.

A Expedição A Natureza é PANC, que acontece no Centro Cultural São Paulo (CCSP) no dia 13/09, convida os paulistanos a conhecer a história das hortas comunitárias na cidade. Uma oficina de adereços naturais e mutirão na Horta do CCSP completam a atividade. Neide Rigo, do Come-se, é convidada especial nesta programação.



No dia 19/09, o Cultivar promove uma Expedição Fotográfica, Desenhos e Pinturas no Parque da Luz, coração da arborização urbana da cidade e primeiro jardim botânico de São Paulo. A atividade é uma introdução à história ambiental do parque e um convite à realização de fotos e desenhos da natureza local. O resultado será exposto em um varal no Parque da Água Branca no final de semana das Oficinas Verdes, nos dias 26 e 27/09.



No domingo, 20 de setembro, as atividades chegam ao Parque Buenos Aires. É a vez da contação de histórias e de desvendar um pouco a arborização daquele pedaço de verde.
Observação de árvores e aves, plantios, bombas de sementes e muita arte serão realizados no Horto Florestal e no Museu Otávio Vecchi nos dias 22, 23 e 24 de setembro. As atividades são voltadas a crianças de escolas públicas e instituições em geral.


O fim de semana de 26 e 27 de setembro concentra as atividades no Parque Água Branca: Oficinas Verdes para crianças e famílias, bate-papos sobre tecnologias ambientais e arte inspirada na natureza. Nos mesmos dias acontece o Cine Natureza - exibição de filmes com temáticas ambientais e bate-papo - no Espaço Cultural Tatersal.

O já tradicional Picnic de troca de sementes e mudas das estações acontece no dia 27 de setembro, também no Parque Água Branca. Os encontros, que surgiram na primeira edição do Cultivar, hoje transformaram-se em uma Rede Nacional que tem por missão conservar a biodiversidade, promover a cultura ambiental e viabilizar a manutenção da segurança alimentar. No mesmo dia acontecem encontros da Rede de Troca - programa gerido pelo Instituto Árvores Vivas - simultâneos em outras cidades nos estados de São Paulo, Rio, Minas e Santa Catarina.

Para valorizar o cerrado brasileiro, o Festival também realiza atividades com conteúdo folclórico em parques nas cidades de Santa Rita do Passa Quatro e Ribeirão Preto. No Parque Vassununga, em Santa Rita do Passa Quatro, será promovida a Expedição Folclórica Jequitibá-Rosa, envolvendo escolas da região, nos dias 01 e 02 de outubro. O parque abriga a maior concentração de indivíduos de espécies Jequitibá-Rosa, incluindo o maior exemplar paulista acessível a visitação pública.
As atividades do Festival se encerram no dia 03 de outubro, com programação aberta ao público em geral no Parque Curupira, em Ribeirão Preto.

O 6º Festival Cultivar é uma realização do Instituto Árvores Vivas, e é possível graças ao Programa de Apoio à Cultura (ProAC), do Governo do Estado de São Paulo, com patrocínio da Rodonaves e da AES Eletropaulo, produção executiva da Origem Produções e apoio da Envolverde Comunicação. Todas as atividades são gratuitas.

Para participar das atividades oferecidas a escolas, grupos e instituições, é preciso se inscrever através do email festivalcultivar@gmail.com ou pelo site do Festival (www.festivalcultivar.com.br).

Corra que ainda dá tempo!

http://somosverdes.com.br/6a-edicao-do-festival-cultivar-promove-reconexao-das-pessoas-com-a-natureza/

Você gostará também:

Jardim vertical em Milão: Exemplo de tecnologia sustentável

Incríveis árvores anciãs sob radiação das estrelas

Sete frutas da Mata Atlântica que todo brasileiro deveria conhecer

Meio Ambiente: A corrente pedagógica da descoberta

Parque Sitiê: A primeira agrofloresta do Rio de Janeiro

Jardins Filtrantes: Um novo conceito em saneamento


Compartilhar:



Guia: Como se destacar no mercado de paisagismo

Login Requerido

Fazer Login para comentar

  


Curso de Marketing Digital para Paisagismo
Mostre seus produtos para o público certo!
Destaque-se no mercado de paisagismo


Cadastre-se Grátis
Conversar no Whatsapp +55(32)3217-1501
X

Receber alertas das publicações do site


Que tal se manter sempre informado das novidades do mundo do paisagismo? Informe seus dados para mantermos contato!